"Passar das palavras aos atos é tudo uma questão de atitude!"

A CURA NA DESCIDA

Eliseu enviou um mensageiro para lhe dizer: Vá e lave-se sete vezes no rio Jordão; sua pele será restaurada...
2 Re 5:10

A história de Naamã nos revela que Deus tem seus meios de operar em nós não somente naquilo que pensamos ser urgente.

O comandante Assírio vencedor de guerras não tinha apenas lepra em seu corpo, mas, possuía orgulho em sua alma e a idolatria no espírito. A orientação de descer 7 vezes no rio Jordão para a cura, não lhe pareceu boa opção. Pergunta então se o rio Abana e o rio Farpar não seriam melhores para o banho. O fato é que quem marca o lugar da cura é Deus independente da nossa opinião. O termo Jordão significa "que desce", "declive", relativo ao que ele é geograficamente. A correnteza era forte e acredito ser esse o motivo pelo qual Naamã não queria se banhar. Quando ele resolve se render  e entra no rio Jordão e toma os 7 banhos propostos, começa então o processo da cura. A cada banho tomado era uma limpeza. Correnteza abaixo ia o orgulho a idolatria e por fim a lepra. Deus é o maior interessado em limpar a nossa alma, o nosso espírito e o nosso corpo. Mas para isso é necessário se render e descer até o lugar onde Deus quer em sinal de obediência para então passarmos pelo processo de cura emocional, espiritual e física. Isso explica o fato de Deus não fazer nada pela metade. Se Deus só curasse o corpo de Naamã, ele ainda sairia dali doente, mas a sua perfeição e misericórdia é infinita que Ele então prepara uma descida e 7 banhos para uma limpeza que vai além do superficial.

Palavra & Restauração
Flavia Bessoni 





Nenhum comentário: